Velas querem afirmar-se como a “Capital do Queijo” nos Açores – Ilha de São Jorge

IMG_5355_InPixio

O Presidente da Câmara Municipal das Velas, Luís Silveira, anunciou esta segunda-feira à noite, que a Autarquia avançou com um processo para certificar o concelho como a “Capital do Queijo” nos Açores, dando assim um contributo para a valorização “da joia da coroa” da economia local e um novo impulso na promoção do destino.

Na sessão solene da celebração o do Dia do Padroeiro das Velas, o mártire São Jorge, festividade presidida pelo Arcebispo D. José Avelino Bettencourt, recentemente ordenado pelo Papa Francisco, o autarca aproveitou para convidar toda a população a assistir, na noite de hoje (terça-feira), à apresentação oficial da marca “Velas – Capital do Queijo”, cerimónia que acontecerá no Auditório Municipal, pelas 20h30, seguida de um showcooking com o Chef José Maria Moreira e degustação de produtos confecionados a partir do queijo.

“A associação às Festas de São Jorge do nosso maior bem comercial – o queijo – é a melhor maneira de homenagearmos um Povo que soube ultrapassar as dificuldades impostas pela natureza, transformando-as na oportunidade de produção de um bem verdadeiramente único e reconhecido”, afirmou Luís Silveira.

O edil anunciou que a Câmara Municipal avançou “com o processo de candidatura para que as Velas passem a ser, certificadamente, a Capital do Queijo nos Açores”, salientando que a produção de queijo sempre foi “o principal fator de sustentabilidade económico-financeira das gentes da ilha, ao longo destes mais de 500 anos”, desde o povoamento.

“Estamos a falar da valorização e defesa de um produto e de uma marca de excelência, que apesar da industrialização imposta pela modernidade dos tempos continua a ser único no mundo, porquanto subsiste à base de leite cru de vaca, que é, por isso, altamente diferenciado e que pode, por via da sua eficiente promoção, ajudar a captar novos fluxos para a ilha, chamar a atenção de eventuais interessados em investir por cá e ajudar os seus produtores a fazer face aos desafios que os tempos de hoje lhes colocam”, justificou.

Pela importância dada ao queijo, a Câmara Municipal decidiu homenagear, com a entrega da Medalha de Prata do Município, o Eng.º Francisco Manuel Cordeiro Bettencourt, “como o homem que teve a visão estratégica, já em pleno século XX e com Portugal na União Europeia, de aproveitar uma ferramenta de certificação que culminou com a atribuição da Denominação de Origem Protegida ao Queijo de São Jorge”.

Apoio à Rádio Lumena

Nesta sessão solene evocativo do Dia de São Jorge, assinalou-se também a passagem dos 30 anos da Rádio Lumena, com homenagens impostas aos fundadores da cooperativa que criou a rádio velense e alguns colaboradores da instituição, tendo o Presidente da Câmara, anunciado a disponibilidade municipal em apoiar aquela rádio.

Na sequência de um discurso feito pelos dirigentes da Rádio Lumena onde foram enumeradas as principais dificuldades da casa, nomeadamente a disponibilidade financeira para concluir a renovação tecnológica do estúdio principal de emissão, Luís Silveira, em jeito de prenda de aniversário e depois de saudar e destacar o importante papel da Rádio ao longo dos últimos 30 anos, anunciou que vai “propor, na próxima reunião de Câmara, que seja aprovado um apoio à Rádio Lumena no valor necessário para fazer face a este investimento de modernização da rádio”.

O dia de São Jorge terminou com mais uma homenagem a D. José Avelino Bettencourt, recentemente ordenado Arcebispo pelo Papa Francisco, com a entrega de um quadro, feito por uma artista velense, trabalho à mão sobre estanho, onde consta o Brasão de Armas do próprio D. José Avelino Bettencourt, natural do lugar da Beira, nas Velas, e uma das pessoas mais respeitadas e queridas do Vaticano.

Festas prosseguem

As Festas de São Jorge, subordinadas à temática “O Queijo e a sua História”, decorrem até amanhã, 25 de abril. Esta terça-feira, dia 24, a Autarquia dedica o dia às crianças, com a exibição de cinema infantil, horas do conto (dedicadas à temática “O Ciclo do Leite”), visitas à exposição alusiva à temática das festas, “O Queijo e a sua História”, e atividades de contato com a Coalhada, através de demonstrações e explicações que serão dadas às crianças por um queijeiro.

Pelas 20h30, no Auditório Municipal, a Câmara Municipal das Velas apresenta oficialmente a marca “Velas – Capital do Queijo”, apresentando um logotipo desenvolvido para a promoção do queijo da ilha e para a promoção turística do Concelho. O Chef de Cozinha José Maria Moreira está também em São Jorge para realizar um ShowCooking, seguido de degustação, com a joia da coroa da economia local, o queijo de São Jorge.

No dia 25 de abril, terminam as Festas em honra ao Padroeiro da ilha, com a realização de um rally papper (promovido pelo São Jorge Automóvel Clube), corre-se a já tradicional Corrida da Liberdade, nas Velas (uma organização do departamento de educação física da Escola Básica e Secundária local), de manhã, sendo que, pelas 15h00, haverá um conjunto de desfiles pelas principais artérias da Vila, onde participam a Charanga da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários das Velas, o Grupo de Folclore de Rosais e o Grupo Etnográfico da Beira, assim como haverá lugar a um desfile de carros alegóricos subordinado à temática das festas (“O Queijo e a sua História”), onde participam todas as forças vivas de todas as freguesias do Concelho das Velas. Ao final do dia, serão entregues os prémios aos vencedores da Corrida da Liberdade e do rally papper, será proferida uma intervenção pelo Presidente da Assembleia Municipal das Velas, João Estrela Maciel, subordinada ao tema “Sonhar a Liberdade” e atuará, no Auditório Municipal das Velas, o grupo de fados da ilha Terceira “FADOalado”.

Ao longo destes três dias das Festas de São Jorge estará também patente ao público uma exposição, na Galeria Espaço +, no Auditório Municipal, dedicada à história e importância social e económica da produção de queijo da ilha de São Jorge, produção que remonta ao povoamento da ilha, no século XV.

GICMV / Mark Marques | Info-Fajãs

24.04.2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *