Inauguração do Posto de Turismo de São Jorge – Velas / Ilha de São Jorge (c/ reportagem fotográfica)

Posto T Velas

A Secretária Regional da Energia, Ambiente e Turismo salientou hoje que os Postos de Turismo dos Açores, nomeadamente em São Jorge, Santa Maria e Graciosa, foram recentemente intervencionados tendo em vista “renovar infraestruturas e adequa-las com conteúdos que permitam uma melhor comunicação”.

“Este processo de renovação da rede integrada de informação turística, através de intervenções nas infraestruturas existentes, assume elevada importância por permitir uma nova abordagem, equipando estes Postos para a prestação de um melhor atendimento, a par do reforço de recursos humanos para esta rede”, frisou Marta Guerreiro, que falava, nas Velas, inauguração do Posto de Turismo de São Jorge.

A governante sublinhou a importância de cada ativo dos Postos de Turismo, “enquanto profissionais fundamentais no acolhimento dos visitantes, através da transmissão e da partilha das nossas especificidades e dos nossos recantos, que nos tornam tão autênticos e diferenciadores face a outros destinos”.

Para Marta Guerreiro, os Postos de Turismo são “espaços privilegiados de contacto” com os visitantes, representando uma “oportunidade de demonstrar a caraterística intrínseca de hospitalidade” dos Açorianos, potenciando, desta forma, “a verdadeira experiência Açores”.

“Temos dado grandes passos nas políticas de receção aos turistas e, neste âmbito, encontra-se em curso o desenvolvimento do projeto de conceptualização da arquitetura, design e comunicação digital para a renovação e adequação dos Postos de Turismo da Região, garantindo, assim, uma uniformização da imagem e comunicação do produto Açores”, acrescentou.

“Estas são apenas algumas das medidas que temos vindo a levar a cabo em termos de qualificação do destino”, frisou a Secretária Regional, salientando que, no caso concreto de São Jorge, ainda este ano foram ou estão a ser realizadas “algumas intervenções no sentido de melhorar e garantir segurança aos pedestrianistas, designadamente através da construção de uma ponte pedonal na ribeira existente na Rota de São João – Vimes, assim como outras intervenções ao nível de reposição de degraus em alguns trilhos e noutros pontos de interesse turístico, como miradouros, de modo a assegurar a acessibilidade em melhores condições”.

Na sua intervenção, Marta Guerreiro destacou que, em São Jorge, entre janeiro e setembro deste ano, se verificou um “crescimento de 8,4% nas dormidas em todas as tipologias de alojamento”, a par do aumento dos proveitos de aposento na hotelaria tradicional de 5%, “o que, mesmo com uma redução de dormidas nesta tipologia de alojamento, permitiu aumentar o REVPAR (receita por quarto disponível) em 4%”.

A titular da pasta do Turismo referiu ainda “os aumentos significativos em todas as tipologias de alojamento, do mercado americano (+34.6%) e francês (+31.5%), e do aumento de quase 1.000 dormidas do mercado português, que, em termos relativos, representou mais 5,1%”.

O Info-Fajãs esteve presente e fez reportagem fotográfica de alguns momentos da inauguração.

GaCS/HMB / Mark Marques | Info-Fajãs

Reportagem fotográfica – Mark Marques

04.12.2018

Para ver reportagem fotográfica completa, clique abaixo em:

https://www.facebook.com/pg/mark.marques2016/photos/?tab=album&album_id=1944989829127937

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *