Presidente do Governo recebido pelo Presidente da República / Presidente da República virá às Festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres – Ilha de São Miguel

0195

O Presidente do Governo foi recebido, esta terça-feira, pelo Presidente da República, que comunicou a sua decisão de visitar os Açores, participando nas Festas do Santo Cristo dos Milagres e, posteriormente, nas comemorações do Dia da Região, que este ano se assinala a 5 de junho.

“Na sequência do convite que o senhor Presidente da República já havia aceite de, passado o período eleitoral, visitar os Açores, ele transmitiu-me a sua decisão de visitar a Região, desde logo no dia do Santo Cristo dos Milagres, o que antecederá uma segunda visita ao maior número possível de ilhas, incluindo, também, as comemorações do Dia da Região”, afirmou Vasco Cordeiro aos jornalistas.

No final da audiência para apresentação de cumprimentos, na sequência da entrada em funções do XII Governo dos Açores, Vasco Cordeiro salientou que este encontro permitiu, também, uma troca de impressões com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, relativamente à situação económica, social e política dos Açores.

Questionado sobre a aprovação do Orçamento de Estado para 2017, Vasco Cordeiro considerou que “é um bom Orçamento de Estado para a Região Autónoma dos Açores” por cumprir integralmente a Lei de Finanças das Regiões Autónomas, mas também por “assumir compromissos claros em relação a matérias que já se arrastavam há algum tempo”.

Neste sentido, o Presidente do Governo apontou como exemplos o compromisso sobre as medidas que constam do Plano de Revitalização Económica da Ilha Terceira, que foi definido na sequência da decisão da Força Aérea norte-americana de reduzir o seu efetivo nesta ilha, e a construção de infraestruturas do Estado, como é o caso do novo Estabelecimento Prisional de Ponta Delgada, que “urge resolver”.

“Estes são dois exemplos de entre várias medidas que, no Orçamento de Estado, servem a Região. Congratulamo-nos que, da parte do Governo da República e das propostas de alteração apresentadas, tivessem ficado consagradas”, afirmou Vasco Cordeiro.

GaCS/PC / Mark Marques | Info-Fajãs

30.11.2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *