Deputada Municipal Sandra Campos (PS) considera que a vontade dos Velenses foi subjugada à vontade dos deputados municipais

IMG_5719

O Grupo Municipal do Partido Socialista de Velas, na sequência da instalação dos órgãos autárquicos, nomeadamente da mesa da Assembleia Municipal de Velas, considera que não foi respeitada a vontade dos Velenses expressa nas urnas, nas últimas eleições autárquicas, de 1 de outubro.

A deputada municipal Sandra Campos, após a eleição da nova mesa da Assembleia Municipal de Velas, afirmou que “embora a lista apresentada pelo PS tenha sido a mais votada pelos Velenses, fomos impedidos de constituir mesa, subjugando, desta forma, a vontade popular àquela que foi a vontade dos deputados municipais.”

“Foi vontade dos nossos munícipes reforçar a confiança depositada na deputada municipal Isabel Teixeira, anterior Presidente da Assembleia Municipal de Velas, e constituir uma assembleia que pudesse trazer um novo colorido ao Município, por ser composta, na sua maioria, por forças partidárias diferentes da que apoia o executivo camarário e por possuir até, pela primeira vez na nossa história, um deputado eleito por um partido que nunca antes tinha tido aqui assento, a CDU” referiu Sandra Campos.

A mesa da Assembleia Municipal das Velas foi constituída e será presidida pelo CDS-PP, que não tem a maioria dos deputados eleitos, e que, simultaneamente, não foi a lista mais votada nas eleições de dia 1 de outubro. Esta decisão contrasta com a posição do Partido Socialista em Ponta Delgada, que apesar de ter a maioria dos eleitos para a Assembleia Municipal de Ponta Delgada, propôs ao PSD a composição de uma mesa presidida pelo PSD, em virtude de este ter liderado a lista que obteve mais votos na eleição do passado dia 1 de outubro para a Assembleia Municipal.

Apesar de não ter constituído a mesa, o Grupo Municipal do Partido Socialista manifestou, na sua intervenção, empenho para que a Assembleia Municipal seja um exemplo de democracia e tolerância, com respeito e abertura às opiniões e contributos de todos os deputados eleitos, na certeza de que é do debate de opiniões, da diversidade, que resulta uma maior riqueza para o concelho das Velas.

A deputada municipal Sandra Campos afirmou: “temos projetos, temos ideias, temos vontade e estamos prontos para trabalhar, na oposição, de forma a merecer a confiança que em nós depositaram os eleitores”, dando garantias de trabalho em defesa das suas ideias, mas com pleno respeito pelas ideias dos demais, contribuindo para o respeito da dignidade da Assembleia Municipal e de todos os seus membros.

O Grupo Municipal do Partido Socialista fez votos de um bom e proveitoso trabalho, em prol dos munícipes e do concelho, a todos os eleitos aos diversos órgãos autárquicos.

“Continuamos todos juntos pelo Concelho das Velas” finalizou Sandra Campos.

GMPS / Mark Marques | Info-Fajãs

26.10.2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *