TRIANGLE TRAIL RUN ADVENTURE – Trail das Fajãs – Ilha de São Jorge (c/ reportagem fotográfica)

1

Jérôme Rodrigues, foi o vencedor da 2ª etapa do Triangle Trail Run Adventure, que decorreu hoje sábado dia 7 na Ilha de São Jorge.

Este evento desportivo de Trail Running, regressa para a sua terceira edição.

Composto por três provas, que decorrem nas ilhas do Pico, São Jorge e Faial nos dias 6, 7 e 8 de Outubro de 2017 e que faz parte do PROZIS CAMPEONATO NACIONAL DE ULTRA ENDURANCE.

É um evento desportivo com grande potencial turístico, pois permite conhecer as três ilhas do triângulo, no coração do arquipélago, convivendo com três realidades diferentes num curto espaço de tempo.

Os Açores recebem cerca de 150 atletas de 7 nacionalidades, provenientes da Alemanha, Bélgica, Canadá, Espanha, França, Reino Unido e Portugal.

Os atletas e amantes da modalidade têm a opção de se inscrever no percurso completo e exigente do Triangle Adventure nas três ilhas, ou podem optar por correr apenas uma ou duas das etapas.

A segunda etapa hoje, sábado, decorreu na Ilha de São Jorge, com o “Trail das Fajãs”.

As fajãs são o elemento que confere à orla costeira de São Jorge a sua singularidade, caraterizando-se por serem pequenos retalhos de terra plana encaixados entre as montanhas e o mar, que resultam do desabamento da encosta ou por arrefecimento de lava proveniente de uma erupção.

O “Trail das Fajãs” está assim pensado para as contemplar e permitir o contato direto com as diferentes realidades existentes, pois cada uma tem as suas caraterísticas distintas e únicas.

O trail, de cerca de 30 Km, iniciou-se no complexo vulcânico mais antigo da ilha, no lugar de São Tomé, freguesia de Santo Antão, percorrendo de seguida algumas fajãs da costa sul Fajã dos Bodes e Vimes), onde se cultiva o inhame, a banana e o café (únicos lugares da Europa onde existe a produção de café devido à existência de microclimas favoráveis).

O trail seguiu depois para o alto da colina para descer em direção às fajãs do norte, reconhecidas e classificadas pela presença de uma paisagem singular. Aqui integra-se a Fajã da Caldeira de Santo Cristo, um dos destinos turísticos mais procurados, principalmente pelos amantes do surf sendo este local um spot privilegiado para esta modalidade.

As fajãs da Caldeira de Santo Cristo e dos Cubres são também dois locais reconhecidos internacionalmente como Sítios Ramsar, pelo valor estético e paisagístico atribuído pela presença das suas lagunas costeiras, únicas no arquipélago.

Foi na Fajã dos Cubres, junto à Ermida a meta desta 2ª etapa, local recentemente eleito como uma das 7 Maravilhas de Portugal – Aldeias, na categoria de “Aldeia de Mar”.

O Info-Fajãs esteve presente e fez reportagem fotográfica de alguns momentos da prova.

TTRA / Mark Marques | Info-Fajãs

07.10.2017

Para ver reportagem fotográfica completa, clique abaixo em:

https://www.facebook.com/pg/mark.marques2016/photos/?tab=album&album_id=1733802660246656

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *